Ao som do sol que se põe…

Por-do-sol em Ilhabela

E no post anterior, algo que deu no que falar no twitter (se alguém quiser me seguir também, não apenas ao blog, mas já aviso que posto muito e falo muita besteira: @lakl) foi o comentário do post-scriptum, vulgo P.S., sobre o som do pôr-do-sol.

Confesso que eu fiquei surpresa de ficarem surpresos, porque pra mim, o sol se pôr sempre fez barulho – pelo menos, é o que eu acho.

Saí para tomar café com o Edu após publicar o texto aqui no blog e ler a reação das pessoas. Muito porque não é só comigo que acontece isso – tenho certeza! Alguém viu Cidade dos Anjos? – mas, ninguém espera que eu ouça o que normalmente não se ouve, né? Acaba sendo surpreendente.

A conversa foi mais ou menos assim:

– Então, o povo ficou surpreso de eu ouvir o pôr-do-sol- disse eu

– Sim, só na cabeça de uma pessoa que não ouve desde os 9 anos o pôr-do-sol faria barulho, né? – respondeu ele.

Fiquei indignada

– Como assim? O pôr-do-sol não faz barulho?

– Por que faria barulho, Lak? – respondeu ele, segurando a risada.

– Porque tudo o que move faz barulho, oras. E o sol mergulha no mar, atrás das montanhas… – engraçado,  falei isso com a mesma ‘convicção’ de alguém de 6 anos, explicando o sabor das cores, mas tudo bem…

Ele não conseguiu mais segurar o riso e respondeu:

– Lak, ele se move no espaço sideral, o som não se propaga no vácuo. (embora ele saiba que é a Terra que se move e não o sol, mas o caso aí é de licença poética para explicar a impossibilidade física do som do pôr-do-sol, segundo ele)

– Vocês, ouvintes, não entendem…. –  Falei isso com pezar! Meu marido não ouve o pôr-do-sol, que triste!

– Explica, por que você acha que o sol faria barulho ao se por? – o tom dele mudou do desdém para o carinho fraterno

– Ora, eu perdi a audição aos 9 anos – resolvi mudar a tática – quando a realidade e a fantasia ainda não são distintas. Fiquei com isso na cabeça e se tornou uma regra, para mim, tudo o que se move faz barulho, a despeito das leis da física.

– É, nos desenhos animados é meio assim… –  concluiu ele – Mas… canta a música do pôr-do-sol pra mim?

Cantei, tentando imitar o som de um violino/piano, finalizado por um prato, quando sol finalmente se enterra sob o horizonte.

– Parece um hino – disse ele.

– É, o por-do-sol é algo altamente patriótico – conclui eu, finalmente rindo.

E, dei-me conta, 20 anos de silêncio me permitiram ouvir o pôr-do-sol. Nesse momento, apesar de amar os ganhos atuais do Implante Coclear vi que mesmo sem ouvir, o mundo me é mágico e me senti a pessoa mais abençoada do mundo!

beijinhos sonoros,

Lak

p.s. Um amigo fez uma tirinha brincando comigo e postou no Orkut. Amei de paixão, porque descreve bem o caminho de um implantado. Fofissima! Autoria: Alexandre

17 palpites

  1. Ola Lak!
    vi o link do teu blog através do twitter do Fred Rios, e vim espiar.
    Adorei o post; e se causou estranheza no povo quando tu dissestes que o pôr do sol tem som, é por que a maioria nunca parou realmente para apreciar este momento mágico, com todos os sentidos físicos, mas principalmente com os sentidos da alma. Apesar de ser ouvinte, concordo contigo, que o pôr do sol tem som sim, e adorei tu teres descrito como o som de um violino,piano e pratos(é a minha praia- sou violinista) rssss. E a propósito, minha mãe é Educadora Especial com especialidade em Deficientes Auditivos, aposentada depois de 25 anos de magistério.
    Parabéns pelo blog, vou segui-lo.
    Bjs
    kaka

  2. SôRamires disse:

    os sons e nossa fantasia, uau! quando eu era criança, ainda era ouvinte e queria ser cantora do rádio…quando chovia forte eu imaginava que o barulho da água caindo eram aplausos do meu público!!!!!
    😉

  3. Greize disse:

    O Por -do-sol é mágico.Nossa imaginação “voa”, sempre, pensa na música Aquarela do Toquinho…
    “Numa folha qualquer
    Eu desenho um sol amarelo
    E com cinco ou seis retas
    É fácil fazer um castelo…

    Corro o lápis em torno
    Da mão e me dou uma luva
    E se faço chover
    Com dois riscos
    Tenho um guarda-chuva…

    Se um pinguinho de tinta
    Cai num pedacinho
    Azul do papel
    Num instante imagino
    Uma linda gaivota
    A voar no céu…”

    Vai voando..Lak!!!Cada vez mais alto e contornando tdas as dificuldades!!!Bjuss 😉

  4. Lak,
    Adoro suas histórias, seus depoimentos porque sempre me emociono.

    Queria compartilhar com você que o Guilherme (que já fez um ano) opera agora dia 28/02 segunda feira.
    Não consigo explicar o que estou sentindo no momento. É um misto de felicidade, com medo, ansiedade…
    Acho que é porque ainda não sabemos como será, quantos eletrodos o Dr conseguirá colocar na cóclea dele(que é mal formada).
    Mas enfim, estamos bem confiantes e depois quero voltar aqui para dizer que deu tudo certo.
    Beijinhos
    Sabine

  5. Eliane disse:

    Vc sabia que tem pessoas que ouvem o som da barata quando ela bate uma antena uma na outra e, que a pessoa é capaz de entrar num recinto e dectar a presença de tal criatura sem que ela esteja visível?
    Tb tem gente que ouve a aranha se mover na teia e caminhando por trilhas dizer: cuidado existe uma teia a seguir…Em seguida topamos com a teia.
    Pois não é qq pessoa que tem essa sensibilidade mas EXISTE!
    E, partindo dessa premissa com certeza o pôr do Sol faz barulho, só que poucos conseguem ouvi-lo e vc faz parte desses poucos.
    És abençoada sim!!!!! Cada dia que passa fico mais certa disso.
    Gostei dessa licença poética, o sol tem o som como um hino ao mergulhar no mar…Ou seja toca o seu hino ao cumprir o Ritual diário de mergulhar no mar ao se Pôr!!!!! Lindo isso! Amei!
    O Sol, O som, O Mar, Vc, simplesmente Amei!! bjs muito carinhosos pelas emoções que vc me faz sentir. 😮 😳 😉

  6. Simone disse:

    Lak, ainda sou surda e fico surpreendida cada vez mais com suas descobertas! O pôr-de-sol faz barulho? Nunca vi ou ouvi falar disso.
    Mudando de assunto, ADOREI a tirinha feita pelo Alexandre. Ótima.
    Beijos.
    Simone.

  7. zuleid disse:

    Eu nunca fui deficiente auditiva e SEMPRE ouvi o som do por-do-sol! Só agora percebi que ele acontece dentro das minhas lembranças 🙂
    Eu não sei o seu, mas o meu é como um Sonrisal ao ser colocado na água!
    Beijos!!

  8. Renata de Freitas disse:

    Adorei, Latika 😈

  9. teresa disse:

    Lak, a cirurgia foi sucesso e faz 11 dias que estou operada e estou bem melhor do que o dia da cirurgia. Graças a Deus! Daqui a 19 dias, irei para São Paulo para ativar.
    Gostei muito do seu texto sobre o barulho do pôr de sol e nunca ouvi falar. Um dia, iremos para algum lugar para eu sentir e ouvir o barulho, se DEUS quiser. Beijos!!!!!

    • laklobato disse:

      Que ótimo que tudo correu bem, Teresa. Torcendo para os próximos 19 dias voarem!!
      Sobre o barulho do pôr-do-sol, é imaginação. Ele não faz barulho nenhum, mas algumas pessoas imaginam um som para essa situação, cada um da sua maneira… No meu caso, música clássica. Mas, não ouço com os ouvidos, tampouco com o implante coclear. Só é preciso de coração para ouvir isso.
      Beijinhos

%d blogueiros gostam disto: