Em busca da legenda na programação da TV a cabo

Se tem algo pelo qual acredito que vale a pena se manifestar é para manterem a nossas opções de lazer. Viver só de obrigações ninguém merece.

Recentemente, os surdos oralizados e/ou usuários da língua portuguesa e mais um monte de gente que curte ouvir áudio original (ao contrário de algumas estrelas globais que não gostam de ler legenda, porque não querem ter que pensar, afinal pensar é algo muito trabalhoso pra essa gente) sofreram um desfalque no que toca à acessibilidade na programação das tvs a cabo – e na verdade, nas salas de cinema também – que decidiu mudar a prioridade de programação legendada para programação dublada.

Longe de mim negligenciar o direito dos deficientes visuais (que provavelmente preferem audiodescrição à programação simplesmente dublada, mas qualquer acessibilidade é menor que nada), aos analfabetos e às pessoas com preguiça de ler, de terem acessibilidade e uma programação legendada.

Mas, em tempos de TV Digital, o mínimo esperado é que haja acessibilidade para todos. Perfeitamente possível que as operadoras disponham de legenda oculta, além do audio original, acionáveis a critério do espectador, que paga por aquela programação.

Quem quiser saber mais detalhes de como isso poderia ser feito, dá uma lida nesse texto da minha coluna do Acessibilidade Total, que fala sobre isso: Cadê as legendas da TV a cabo?

A ANATEL já realizou uma audiência publica para o debate das novas regras de serviço, mas ainda dá tempo da gente se manifestar, pedindo legenda pra quem gosta de ler, pedindo acessibilidade, para quem não consegue compreender apenas ouvido.

Quer saber mais? Leia no IDG NOW: Anatel discute novas regras para serviço de TV a cabo

Lá explica como podemos proceder e até quando aceitam manifestações.

Conto com a ajuda de todos os interessados na legenda!

Beijinhos sonoros,

Lak

8 palpites

  1. Giseli disse:

    Boa ideia! Olha, fui lá me cadastrar lá no sistema integrado, mas não está muito claro não o lugar onde se manifestar a respeito disso… Não consegui mandar a minha manifestação pelo sistema deles. Você conseguiu?

  2. Eduardo Bueno disse:

    Por favor Lak!!. Não conseguindo do jeito que está lá no site indicado, como e para onde se enviaria este e-mail? Esta turma (dos petistas e cia) é boa em não fazer nada. Fazem de conta que podemos palpitar. Que examinarão nossos pleitos. Mas é raro achar o local correto para isto. Não tenho endereços. Quem sabe a Revista Acessbilidade Total tenha. Será que o o Jairo do ACV não pesquisaria prá nós lá na Foia? Fico perdido com estas coisas. E aquele da Petição On Line? Sei lá para onde vão estas coisas. Agradecido de novo!!.

  3. Patricia Navarro disse:

    Super concordo q os canais disponham da opção legendas de sua programação, seja em função de preferencia, seja para tornar mais acessível.
    Só não concordo com a generalização de que quem prefere a dublagem “tenha preguiça de ler”, ou qq interpretação de q essa pessoa seja menos culta ou inteligente só por isso. Acho q é questão de hábito, acima de tudo.
    EU prefiro som original, mas isso é questão de gosto, acho.
    Vamos ver como isso se desenrola, né?
    Beijos Lak!!

    • laklobato disse:

      Bom, até aí, é a minha opinião… Você não é obrigada a concordar com ela… Eu posso achar as pessoas preguiçosas, assim como elas devem achar que deficiente auditivo não deveria reclamar de nada. Enfim…
      O que interessa é que haja opção para todos e não só pra uma parcela de pessoas.
      Beijocas

  4. greize disse:

    Oi não consegui pelo Laibirinto de links lá, mas enviei pelo e-mail:
    biblioteca@anatel.gov.br

    Vamos que vamos.
    bjosss. 😉